YouTube lança plataforma para indicar as principais tendências musicais

Em Tecnologia

O YouTube anunciou o lançamento de uma ferramenta para mostrar as tendências musicais no maior site de vídeos do mundo. Chamada de YouTube Charts, a plataforma é um gráfico com as mais tocadas da plataforma e indica artistas e músicas mais populares em 54 países, incluindo o Brasil.

“Com mais de 1,5 bilhão de usuários mensais em todo mundo, as paradas musicais do YouTube são a representação mais precisa do que os fãs de música estão consumindo ativamente em seu país e no mundo”, informa o YouTube. “Essas informações refletem o que os usuários estão assistindo e escutando, o que significa que elas são baseadas apenas na popularidade e mostram o sucesso alcançado pelos artistas na plataforma de música mais abrangente do mundo.”

Ao todo, as tendências musicais estão organizadas em quatro categorias:

  • Tendência – Gráfico de atualizado várias vezes ao dia para mostrar o que está em voga neste exato momento entre os usuários do YouTube.
  • Principais músicas – O YouTube calcula as visualizações em todas as publicações oficiais de uma música e cria um ranking com as mais ouvidas.
  • Principais artistas – Usando como base a popularidade de toda a discografia de um artista, esta seção reúne os que atraem mais atenção do público.
  • Principais vídeos – Se você sente saudade do “Top 10” da MTV, aqui está omais próximo que podemos chegar atualmente do programa que ia ao ar todo fim de tarde na emissora (#sdds): os videoclipes mais vistos do YouTube.

YouTube ganha área dedicada às paradas musicais.

Quem quiser saber mais detalhes de como funcionam os cálculos para criar todos os rankings pode acessar a seção de suporte do YouTube — clique aqui. O YouTube Charts já está disponível e pode ser acessado tranquilamente por qualquer um agora mesmo.

Cada vez mais musical

Um detalhe importante das paradas musicais do YouTube é o fato de que o Charts é uma nova iniciativa musical da plataforma. Já é sabido que a Google lançará, em breve,  um novo serviço de streaming que unificará o YouTube Red e o Play Music (o YouTube Remix), então, esse gráfico de tendências pode ser identificado como mais um indício de que a gigante da web não pretende dar nenhum passo atrás quando o assunto é o mercado fonográfico.

Cupons de desconto TecMundo:


Fonte da notícia

Comentários
Posts Recentes