Review JBL Everest V310

Em Geral

O JBL Everest V310 é um fone de ouvido Bluetooth lançado no Brasil em novembro de 2017. Com promessa de 20 horas de bateria e preço salgado — ele custa entre R$500 e R$ 799 em lojas online, o headset tem seus atrativos, como o design sofisticado e as funções extra. O TechTudo testou o fone sem fio para ajudar a responder a famosa pergunta: “vale a pena comprar?”. Confira a análise a seguir.

Fone de ouvido Bluetooth vale a pena? Veja detalhes sobre o acessório

JBL Everest V310 está disponível nas cores prata e preto (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

Design

A primeira impressão de quem usa o JBL 310 é de conforto. A cor neutra (testamos o modelo prata, mas ele está disponível em preto metálico também) e a concha almofadada contribuem para essa sensação. De fato, é possível usar o fone por horas sem sentir nenhum incômodo — vale lembrar que as hastes são ajustáveis, mas esse encaixe “perfeito” varia de pessoa para pessoa e do tamanho da cabeça e da orelha de cada um. Já na hora de tirar o fone do ouvido, o desconforto aparece. Quem tem cabelo grande pode perder vários fios, que ficam presos nas dobras do aparelho.

O JBL pesa 230g, o que pode ser considerado razoável, se comparado com o concorrente MDR-XB650B, da Sony, que pesa 190g.

O headset conta com os seguintes botões: liga/desliga, volume, play/pause (que também serve para voltar ou adiantar uma música, se pressionados por mais de 3 segundos), bluetooth e ShareME, que veremos para que serve mais adiante. Duas luzes led mudam de cor para indicar se o fone está ligado, se o Bluetooth está emparelhando e qual é o status da bateria.

JBL Everest V310 tem concha acolchoada que ajuda no conforto durante o uso (Foto: Luciana Maline/TechTudo)JBL Everest V310 tem concha acolchoada que ajuda no conforto durante o uso (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

Na caixa, o usuário encontra, além do fone, um cabo usb para carregar a bateria, um cabo de áudio 3.5mm com controle e um estojo. O cabo de áudio é firme e parece ser resistente. Durante o mês de teste, ele não aparentou fragilidade nem trouxe problemas. Apesar disso, não podemos prever como ele estará depois de meses ou anos de uso. O fone é dobrável e o estojo é rígido, o que deve ajudar na durabilidade do aparelho. 

Funcionalidades

O principal diferencial do JBL V310 é a possibilidade de compartilhar músicas através da tecnologia ShareMe 2.0. Qualquer fone que também tenha Bluetooth 4.1, inclusive de outras marcas, pode ouvir o mesmo áudio. Basta pausar a música ou a ligação, apertar o botão S e o fone estará pronto para o compartilhamento. No outro aparelho, é só apertar o botão de emparelhamento e a conexão acontece. A função pode não ser essencial para o dia a dia, mas é útil para assistir a um filme junto com um amigo sem incomodar outras pessoas ao redor. 

Fone JBL Everest V310 tem botões de controle do áudio, Bluestooth e ShareME (Foto: Luciana Maline/TechTudo)Fone JBL Everest V310 tem botões de controle do áudio, Bluestooth e ShareME (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

No geral, o Bluetooth do V310 funcionou bem e o emparelhamento com o PC ou celular é simples. Mesmo a quase 10 metros de distância do smartphone, a música continuou tocando perfeitamente. 

Qualidade do som

O Everest V310 tem graves rasos, diferente de fones como os Beats, que costumam valorizar muito as frequências baixas. No modelo, o que se destaca no áudio são principalmente os médios, o que acaba destacando mais as vozes do que os instrumentos de fundo. Os agudos, embora definidos, também não ganham muito destaque na audição.

O fone não tem tecnologia de cancelamento de ruído. A concha não proporciona uma imersão muito profunda, já que deixa alguns barulhos mais altos do ambiente interferirem no som. Isso faz falta na hora de assistir a uma série no ônibus, por exemplo. Não chega a ser uma experiência ruim, mas inferior a outros modelos do mercado.

JBL Everest V310 vem com cabo de áudio, cabo USB e estojo (Foto: Luciana Maline/TechTudo)JBL Everest V310 vem com cabo de áudio, cabo USB e estojo (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

Bateria

Segundo a Harman, fabricante dos fones JBL, o V310 é capaz de tocar músicas por até 20 horas sem parar. Em nossos testes, o fone, de fato, cumpriu com o prometido. Além disso, ele precisa de duas horas na tomada para recarregar. Mas, quem pretende usar o fone no trabalho, por exemplo, pode deixar o cabo conectado ao computador e a bateria será alimentada durante o dia. Quando quiser usar o Bluetooth, o aparelho já estará devidamente recarregado.

Custo-benefício

O JBL V310 foi lançado no Brasil por  R$ 799, mas já pode ser encontrado por até R$ 500 em lojas online. Sua ficha técnica não é a mais avançada do mercado, mas o fone tem boas configurações e podemos dizer que condiz com o preço.

JBL Everest V310 foi lançado no Brasil por R$ 799, mas já é encontrado por R$ 500 em lojas online (Foto: Luciana Maline/TechTudo)JBL Everest V310 foi lançado no Brasil por R$ 799, mas já é encontrado por R$ 500 em lojas online (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

Vale dizer que o cancelamento de ruído faz falta. Mas, para ter esse recurso, é preciso procurar um fone em outra faixa de preço.

O V310 não deixa a desejar para um usuário que busca um produto confortável e com boa qualidade de som. Embora não seja nenhum aparelho profissional, o fato de ser Bluetooth conta muitos pontos na hora de escolher. 

Pode se dizer, que ele é ideal para quem quer ter um bom fone mas não se preocupa tanto com os detalhes das músicas e dos filmes — e está disposto a gastar tudo isso.

Ficha técnica

 Tamanho do driver  40 mm
 Intervalo de resposta dinâmica de frequência  10 Hz a 22 Hz
 Sensibilidade  96 Db
 SPL (pressão sonora máxima)  111 Db
 Impedância 32 OMNs 
 Tempo de carregamento  2 horas
 Tempo de reprodução de música com BT ativado até 20 horas
 Peso  230g
 Preço na loja oficial R$ 799
 Preço em outras lojas online R$ 500 

Fone de ouvido Bluetooth: qual tem o melhor custo-benefício? Opine no Fórum do TechTudo


Fonte da notícia

Comentários
Posts Recentes